segunda-feira, 7 de março de 2016

   


Sorriso desconhecido


Lindo e trágico sorriso desconhecido
Me acolhe com quão ternura
Envolve meu ser
Faz tudo acontecer

Lindo e trágico sorriso desconhecido
Tão grande é sua luz
Me ilumine só mais uma vez
Mal  sabe ele o estrago que me fez

Lindo e trágico  sorriso desconhecido
Por quê me é tão familiar?
Já devo o ter visto antes em outra boca
E encheu de paz essa minha cabeça oca

Lindo e trágico sorriso desconhecido
Seja meu por mais um segundo
Sejamos um só nesse vasto mundo

Lindo e triste sorriso desconhecido



                        Todos direitos autorais: Anderson Souza


Um comentário: