segunda-feira, 14 de março de 2016

       

      Para o tempo


Hoje eu vi o tempo parar
O mundo se voltou contra mim
Ou eu contra ele?
Nunca vi nada assim

Triste decisão 
Talvez a incerteza seria menor
Se eu pudesse seguir a razão
Mas as luzes se apagaram
Todos já foram dormir
E eu ainda continuo aqui
Lembrando dos que me atormentaram
Sentado em meio a rua
Fixando atento à lua
Sei que ela não pode me ouvir
Mas talvez poderá nos acolher
Difícil saber

Um comentário:

  1. Incrível... como tudo o que você faz c: - comentário anônimo kkkk

    ResponderExcluir